, , ,

Anticoncepcionais | tudo que você precisa saber

8:00 AM

Este post foi feito por uma enfermeira para sanar suas dúvidas sobre como funcionam os anticoncepcionais e explicar quais cuidados necessários que devem ser tomados para manter a integridade da sua saúde.


As mulheres que fazem uso de anticoncepcionais devem ter cuidado dobrado com sua saúde, visto que esses medicamentos causam diversas alterações no organismo.

15 Cuidados que você deve ter:

1 Não tome medicamento sem prescrição médica
É comum ocorrer a automedicação. Muitas pessoas fazem busca sobre anticoncepcionais na internet ou recebem indicações de amigas e começam a fazer uso por conta própria. Isso pode se tornar um hábito perigoso, causando danos à sua saúde, irreversíveis em alguns casos e, podendo também levar a óbito, já que esse tipo de medicamento interfere diretamente no sistema cardiovascular. É necessário que o ginecologista avalie seu histórico para saber qual anticoncepcional prescrever e, principalmente, te dizer se você pode usar ou não.


2 Tome sempre no mesmo horário
Assim como os antibióticos, os anticoncepcionais orais também precisam ser tomados sempre no mesmo horário para não perderem efeito, já que ao longo das 24 horas, ocorre uma queda no pico hormonal, o que faz com que aumente o risco de gravidez indesejada. 

 Escolha um horário favorável
Se você faz uso de anticoncepcional oral, é importante que você escolha um horário que seja confortável para você, para que possa tomar o medicamento no horário certo. Evite tomar de estômago vazio. No meu caso, tomo sempre às 23h, pois é um horário em que já me alimentei bem ao longo do dia e sei que não vai me causar enjoos. Não tome em jejum, pois pode causar enjoo e se você vomitar o comprimido, ele perde o efeito.

Risco de gravidez
Sim, é possível engravidar mesmo fazendo uso de anticoncepcional. Essa informação está nas bulas desses medicamentos. Existem dados de taxas de falha, nos estudos feitos com mulheres que engravidaram, mesmo fazendo uso desse método contraceptivo. Em alguns casos, ocorreu falha do medicamento mesmo sendo tomado corretamente e em outros, ocorreram gravidezes, principalmente, em mulheres que esqueceram de tomar a pílula.

Esquecimento
Se esqueceu de tomar por dois dias, não tenha relação sexual desprotegida (sem preservativo), pois o risco de gravidez está aumentado. E não adianta querer consertar a situação tomando todos os outros comprimidos restantes, ou 3 seguidos, muito menos tomando pílula do dia seguinte, pois você vai acabar desregulando seu ciclo e causando uma taxa brusca elevada de hormônios, trazendo prejuízo à sua saúde. Em caso de esquecimento, evite ter relações sexuais desprotegidas  até que ocorra a menstruação e inicie um novo ciclo.



Coloque lembretes
Se você esquece as coisas com facilidade ou ainda não se acostumou com o horário de tomar seu anticoncepcional oral, programe alertas no se celular para avisar que chegou a hora de tomar.

7 Fique atenta aos sinais e sintomas de reação adversa
Se você notar que está tendo dores de cabeça do nada, ou que ganhou peso demais, ou que sente cansaço nas pernas com frequência, entre outros sinais e sintomas, leia a bula do seu anticoncepcional e veja se na sessão de reações adversas tem algum deles descrito. Se houver, consulte o ginecologista para realizar a troca do medicamento ou até mesmo descontinuar o uso. Não ignore esses sinais, pois muitos anticoncepcionais podem causar problemas sérios, por exemplo, o Acidente Vascular Cerebral/Encefálico (AVC/AVE, vulgo derrame). E mesmo se não tiver nenhum sintoma, faça exames periódicos, pois é importante saber se seu sangue tem facilidade de coagular e gerar trombos.


8 Consultas periódicas
É importante fazer um acompanhamento médico para observar como seu organismo se comporta em relação ao anticoncepcional. Se está tudo ok, não está sentindo nenhuma reação adversa, pode continuar o uso do medicamento.

9 Uso da tabelinha
Atenção! Não é um método seguro. Ele só é favorável para quem quer engravidar.
A tabelinha é um método muito antigo, usado por mulheres para identificar quando estavam no período fértil, em tempos em que não existiam métodos contraceptivos eficazes. para mulheres que tem o ciclo menstrual de 28 dias, calcula-se 14 dias após o 1º dia de menstruação, contando como dias perigosos para engravidar os 3 dias antecessores a esse dia 14 e os 3 dias sucessores a ele, resultando em 7 dias de período fértil. Esses 3 dias antes e depois do dia 14 são perigosos porque os espermatozóides sobrevivem até 3 dias no organismo feminino, procurando o óvulo para fecundar (e ele pode encontrar). Se você toma anticoncepcional, pode calcular um suposto período fértil com a tabelinha, para evitar que ocorra gravidez indesejada por falha do medicamento ou por mau uso dele.  

Dica de aplicativo
Há quatro meses tenho usado o aplicativo Clue e estou adorando. Até já vi algumas blogueiras falando bem sobre ele e posso dizer que é realmente excelente. Explore o aplicativo para conhecer todas as funções, pois é necessário anotar todas as informações do seu ciclo de acordo com cada dia, porque ele "aprende" o que acontece no seu corpo e nos meses seguintes começa a avisar quando você terá TPM (aparecem umas nuvens, fazendo analogia a dias nebulosos haha), quando estará no período fértil e etc. Você baixa e anota certinho quando iniciou a menstruação, marca como está sendo o fluxo em cada dia, se tem dores de cabeça, cólicas, dor nos seios, se está de TPM, como está seu humor e muito mais. Também é possível colocar lembrete para o anticoncepcional, assim você não esquece de tomar.
Se você tem celular com sistema android, pode baixar clicando aqui.

10 Se você faz uso de anticoncepcional injetável
Fique atenta ao dia em que precisa ser feita a aplicação e lembre-se de fazer rodízio dos locais de administração. Se este mês foi injetado no glúteo direito, no próximo mês deve ser injetado no glúteo esquerdo. E lembre-se, não pode massagear o local da aplicação e nem deixar vazar o conteúdo. Ao injetar, é preciso fazer uma leve pressão com o algodão durante 5 minutos, para que o líquido permaneça dentro do músculo.

11 Tenha uma caixa reserva
Hoje em dia muitas mulheres e adolescentes fazem uso de anticoncepcional, portanto evite deixar para comprar de última hora, quando sua cartela acabar, pois pode ser que não encontre à venda nas farmácias. Já me ocorreu de correr atrás do meu anticoncepcional em várias farmácias da cidade, por ter acabado o estoque.

12 Faça algum exercício físico
Os anticoncepcionais causam alterações no organismo, que podem ser prejudiciais ao fluxo sanguíneo e retorno venoso. É comum ouvir relatos de pacientes que ganharam peso e se sentiram inchadas após começarem a tomar anticoncepcionais, injetáveis ou orais e, em alguns casos, ocorreram doenças sérias, por exemplo, trombose venosa (nos casos dos orais), já que estes podem causar formação de pequenos trombos (bolinhas de plaquetas aglomeradas) que podem obstruir microvasos. É importante fazer exercício físico - pode ser caminhada - para ativar a circulação sanguínea, evitar que esses pequenos trombos se aglomerem e diminuir a retenção de líquido.



13 Cuidado com a pílula do dia seguinte (levonorgestrel)
A pílula de emergência é para ser usada somente em casos de emergência mesmo. Imagine que nesses dois comprimidos existe a mesma quantidade de hormônio que tem numa cartela de anticoncepcional. O que deveria ser tomado em mais de 20 dias, acaba sendo tomado em menos de 24 horas. 
Vamos fazer uma analogia: imagine seu chefe ou seu professor te entregando 24 trabalhos para você resolver e entregar tudo pronto em, no máximo, 12 horas. É de ficar louca, não? Agora imagine como seu organismo interpreta essa carga excessiva de hormônio chegando assim, do nada. É de ficar louco, não? Então não maltrate seu cérebro, nem o resto do seu corpo. Só tome essa pílula se for extremamente necessário. Mas também não deixe de tomar se acha que vai engravidar.  
Você deve comprar e tomar imediatamente após a relação sexual desprotegida. Se tomar nas primeiras 12 horas, a eficácia do medicamento é maior. Não caia nessa de que pode tomar em até 72 horas. Quanto mais o tempo passa, menor será a eficácia e maior o risco de engravidar.
Como usar a pílula do dia seguinte?
Tome uma pílula e quando completar 12 horas, tome a segunda.

Não tome a pílula de emergência se você faz uso de algum anticoncepcional. É comum as pessoas pensarem que estarão mais protegidas se ingerirem mais hormônios.

14 Se trocar de anticoncepcional 
Não tenha relação desprotegida durante os 15 dias ou até 21 dias após o início da nova cartela, pois seu organismo estará se adaptando ao novo medicamento. 

15 Anticoncepcionais podem causar distúrbios gastrintestinais
Alguns medicamentos orais podem causar vômitos e diarreia. Se ocorrer algum dos dois em até 4 horas após o uso, o medicamento pode perder o efeito. Se você mudou o horário de tomar o medicamento e ainda assim houver episódios recorrentes de diarreia e võmitos, consulte seu médico, pois será necessário realizar a troca.

Para conhecer os tipos de anticoncepcionais veja esse post aqui.

Esse post te ajudou? Se tiver alguma dúvida, deixa aqui nos comentários.

Beijos
 ♥ ♥ ♥


Me segue nas redes sociais
Facebook | Instagram | Google Plus | Pinterest

Aproveita e se cadastra no formulário aqui embaixo para receber todas as novidades primeiro.

Cadastre seu e-mail e receba todas as novidades!

* indicates required

Você também vai amar

0 comments

NOVIDADES NO SEU E-MAIL

Cadastre seu e-mail e receba todas as novidades!


Arquivo do blog